Non-Stop

Transient

É um filme cheio de suspense e mistério que se passa a bordo de um avião enquanto ele faz uma viagem transatlântica. Um Air Marshal recebe uma mensagem no seu telemóvel, através de uma linha de segurança máxima, a informar que vai matar uma pessoa a cada 20 minutos se não receber um resgaste de 150 milhões de euros.

Este realizador espanhol, Jaume Collet-Serra, faz uma gestão muito boa do suspense durante o filme. Sempre que acontece alguma coisa, tentei perceber o porque e como ligar ao culpado. É o género de longa metragem que obriga a reparar em todos os detalhes para perceber o que se passa.

A mecânica é muito parecida com o filme Unknown por o realizador ser o mesmo. Além disso Liam Neeson é o actor principal em ambos os flimes. Está muito bem nos dois, mas no filme Unknown o seu papel é de maior destaque por o filme ser mais intenso e mais intrigante.

Eu gostei do filme mas acho que as cenas finais com o avião são muito exageradas e isso estraga um pouco o filme. Se tivessem evitado aquelas cenas das explosões e da miúda a cair do avião tornavam o filme mais real.

É muito curioso e requer alguma mestria conseguir fazer um filme de uma hora e meia dentro do mesmo cenário, sem aborrecer e cativando quem está a ver. Mas neste aspecto o melhor filme, pelo menos o mais genial, é Buried.

No global fiquei satisfeito com o filme porque não consegui perceber quem era o culpado, só no final, e fiquei o tempo toda a fazer jogos mentais na minha cabeça para ver se chegava lá. Mas não consegui. Se gostam de filmes de intriga e suspense, vale a pena ver.