New York - A cidade que quase nunca dorme!

Desde sempre disse que a primeira vez que fosse a New York ia ser na altura do Natal. Depois de ter passado lá uma semana decidi que quero voltar mais vezes, e pode ser em qualquer altura do ano porque a cidade é absolutamente fantástica.

A primeira coisa que se repara quando se passeia na cidade, é as zonas serem todas familiares por já as termos visto nos filmes... Para além de parecerem familiares, a cidade é gigante e muito alta. Os prédios são mesmo muito altos! Tudo nesta cidade é gigante... Os prédios, ruas, museus, lojas, etc...

Se agarrarem num mapa vão perceber que é muito fácil uma pessoa orientar-se nesta cidade, pois as ruas são numeradas e são todas paralelas e perpendiculares.

Quando cheguei a New York apanhei um nevão gigante e no dia seguinte a cidade estava parada... As ruas estavam cheias de neve e não circulavam carros. Se já viram o filme "The Day After Tomorrow", sabem do que estou a falar... É uma sensação estranha porque sempre achei que a cidade tinhamuito movimento, e por um dia eu vi e vivi a cidade completamente parada... É estranho, mas fascinante!

A cidade tem imensa coisa para ver e zonas para visitar... Depois de lá estar uma semana cheguei à conclusão que apenas visitei a parte turística e que tenho de voltar para viver ainda mais a cidade.

Em relação a museus recomendo que visitem o MOMA, o Guggenheim, o Whitney Museum, o Museu de História Natural (os dinossauros são muito bons), o Sex Museum... Sinceramente não acho que valha a pena visitar o Metropolitan, pois é muito grande  e tem muita coisa que os europeus já conhecem muito bem... Para além dos museus tem de passear no Central Park e tem de subir ao Empire State Building ou ao Rockefeller. Eu optei por subir ao Rockefeller por influência da séria 30 Rock. Façam a subida de noite ou ao final do dia... A cidade tem outra mágica!

Uma coisa muito engraçada na cidade é a altura das diversas zonas. Começam cá em baixo em Wall Street com prédios muito altos e à medida que vamos subindo os prédios vão ficando mais baixos. Das várias zonas que visitei, adorei East Village e o Soho por serem zona mais parecida com as cidade europeias, com prédios mais pequenos, lojas mais pequenas (mas com coisas fantásticas), cafés e restaurantes com muito bom ar. Nesta zona respira arte e cultura... Se gostam de discos de vinil e de misturar músicas, procurem a loja Turntable Lab porque é muito boa (O Q-Tip faz compras lá).

Apesar de ter gostado muito destas duas zonas, as outras também são muito boas... Acho que devem visitar todas para tirarem as vossas conclusões. A cidade é tão grande e diversa que se enquadra com toda a gente e com os mais variados gostos.

 

Visitar o Time Square é ter um "deja vu". É uma zona cheia de turistas mas que aparece em tantos filmes, que é obrigatório ver e vai parecer muito familiar. Também recomendo que visitem esta zona de noite, para conseguirem ver os neons e os ecrãs gigantes. Aproveitem quando estiverem aqui para irem ao cinema ver um filme numa sala Imax. Eu vi o filme "Tron" e adorei!!

Finalmente, em relação à alimentação tem muito por onde escolher... Diria que conseguem encontrar todo o tipo de comida por lá. Se querem poupar algum dinheiro comam nos Fast Foods (existem aos milhares) ou percam-se nos restaurantes da China Town. Se quiserem bons restaurantes também existem muitos é só escolher... Experimentem o Sushi no Restaurante "Nobu". Eu comi um bife com molho de especiarias japonesas acompanhado por um sashimi e adorei... Nunca tinha comido sushi assim e gostei muito!

Mais uma recomendação: Vão ver um jogo da NBA... É um espectáculo que não estamos habituados mas que é muito divertido!

A cidade é tão grande e tem tanta coisa para ver, que ia continuar a escrever muito mais... Vão e visitem o mais que conseguirem. Antes de irem procurem com calma o que querem ver na internet para aproveitarem melhor o tempo. Eu já decidi que vou voltar mais que uma vez a esta cidade!!!

 

In