The Social Network

Depois de muito tempo consegui ver o filme que retrata a vida do criador do Facebook.

O início retrata muito bem a personalidade estranha da personagem principal. O diálogo entre ele e a "namorada" deixa-me cansado pois ele debita muita informação por minuto, mas toda essa informação é preciosa e tem lógica... Ou seja, ele não diz as coisas por dizer, diz o que sente... No entanto é uma pessoa muito inconveniente!

O argumento está muito bem elaborado e todas as personagens estão muito bem feitas e com um papel muito bem definido. Jesse Eisenberg faz muito bem o papel de Mark Zockerbeg (o criador do facebook). Pelo contrário o Justin Timberlake faz um mau papel... Ao ver o seu desempenho fiquei muito desiludido e achei que ele estava a mais.

O que me despertou mais interesse no filme foi a representação da criatividade dele. A maneira como ele se isola de todos e começa a escrever código e a estudar as falhas dos outros programas. O filme representa de uma maneira muito inteligente o processo criativo que é preciso quando se quer construir algo. Mostra ainda a necessidade de sacrifício que é necessária quando acreditamos em alguma coisa. Neste aspecto o filme é muito bom.

A história da amizade para mim é muito secundária pois toda a gente sabe, que os relacionamentos com as pessoas ficam sempre em causa quando o dinheiro entra no meio... Neste aspecto, acrescenta muito pouco.

No global gostei muito do filme... De 0 a 10 dou um 8.

In