Brownswood Bubblers Six

Este é o nome da mais recente compilação com o carimbo do senhor Gilles Peterson. Esta compilação serve para apresentar artistas novos de grande qualidade. No Brownswood Bubblers Four, ele apresentou pela primeira vez o senhor Mayer Hawthorne, que se tornou num dos artistas favoritos da Estação Espacial.

Para quem conhece o trabalho dele e o programa semanal que ele tem, percebe perfeitamente a diversidade de estilo que estão expostos nesta compilação. Tal como eu, ele não consegue andar sempre agarrado ao mesmo estilo. É preciso diversificar e misturar coisas diferentes...

Uma das coisas que mais gosto nas compilações do Gilles Peterson é conseguir descobrir o nome de músicas que ouvia no programa dele. Assim que coloquei o álbum a tocar senti isso na primeira música - Great Weekend - "Let´s Do It Again", uma música house cheia de arranjos musicais e uma voz muito doce.

Do house ele rapidamente salta para o Jazz Electrónico com Grooveman Spot, MdCL, quadron e Pursuit Grooves. No entanto esta compilação nunca entra na área da dança, anda sempre a rondar o chill out e o ambiente. Ou seja, tal como as anteriores são boas para ouvir ao final do dia, durante o trabalho ou de manhã ao acordar.

A meio do álbum ele entra numa sonoridade muito José James, apresentado grupos com vocês femininas e masculinas. Para finalizar entre na electrónica experimental, muito ao estilo de Flying Lotus, mas numa vertente mais calma, com nomes como Pedestrian, Submotion Orchestra e Gang Colours.

A última música do álbum é do senhor novo do Hip Hop que se chama "Ghostpoet", que apresenta umas rimas por cima de uma base instrumental muito bem construída e muito bem elaborada!

Como seria de esperar, é um grande álbum que recomendo a toda a gente!

Oiçam e Julguem! (download)

In