Marrakech - Um fim de semana noutro mundo!

Marrakech é uma cidade fantástica no centro de Marrocos. Uns meses antes de a ir visitar vi uma reportagem no expresso que começava assim: "Outro mundo, completamente diferente do nosso, que fica ao virar da esquina". Depois de lá estar um fim de semana percebi esta frase...

Para visitarem Marrakech e sentirem a cidade precisam de estar dois dias inteiros na cidade. Primeira dica: façam conta em perder muito tempo no aeroporto. Segundo dica (a mais importante): quase tudo em Marrakech é negociado.

Quando estiverem a pesquisar um local para dormir, procurem Riads no meio da Medina, de preferência perto da Praça Jemaâ-el-Fna. Os Riads são casas marroquinas com pátios interiores adaptados para receberem turistas. Normalmente são habitados por uma marroquina que trata das lides domésticas e serve o pequeno almoço. Uma boa maneira de começar a conhecer a cultura deles. Outra dica: tentem não chegar de noite à cidade e tentem combinar um local para se encontrarem com a pessoa responsável pelo Riad... Andar à procura do Riad de noite em ruas estreitas e escuras pode não ser um bom postal de boas vindas, e pode criar algum susto e pânico!

Antes de começar a falar da cidade dou outra dica muito importante: os habitantes da cidade de Marrakech já perceberam que ganham mais em ajudar os turistas, do que a engana-los e a roubar, por isso, não se assustem. Estejam é preparados para pagar alguma coisa depois de eles ajudarem.

Marrakech tem duas zonas distintas, a Medina (zona caótica) e o exterior da Medina (zona mais tranquila). Comecem o dia bem cedo e percam-se nas ruas cheias de gente da Medina, cheias de cor, cheia de coisas para vender e cheias de tudo... As ruas são estreitas e é muito fácil perderem-se, mesmo muito... Procurem a Mesquita Ben Youssef, a Madrassa Ben Youssef e passem pelo museu de Marrakech. Pelo meio percam-se nos vários Souk (pequenas zonas comerciais). É obrigatório passar na praça Rhaba Kdima e visitar o café des Épices.

 

 
Depois de visitarem a parte Norte da Medina, tentem descobrir a saída (por vezes não é nada fácil) e comecem a visitar o exterior da Medina, zona mais civilizada... Vale a pena ver o Jardin Majorelle, a zona plaza de Marrakech (zona nova e com as lojas europeias todas, inclusive o Mac), Teatro Real, Palácio dos Congressos, La Mamounia (não consegui visitar, mas pelo que vi no exterior parecia um pequeno luxo), Cyber Park (um jardim com internet) e Boulevard Mohammed VI.

Conseguem fazer isto tudo num dia, mas é cansativo... No entanto, tem 3/4 de Marrakech visto, o que permite no dia seguinte descansar e andar mais relaxado. Outra dica: evitem comer no centro da Medina pois é muito cansativo devido à confusão... Para este dia recomendo almoçar ao pé da praça de Marrakech (SBJ Café - Boulevard Mohammed Zerktouni) e jantem no La Grillardiere (Rue Ibn Hanbal). Este último é uma espécie de cadeia de comida Marroquina, mas come-se muito bem...

De noite visitem a praça Jemaâ-el-Fna e percam-se nos Souks. Vão perceber que a cidade se torna ainda mais caótica, em especial, ao fim de semana... É impressionante a quantidade de gente que vai para a rua e se cruza. Para além disso, existem as motas que aparecem de todo o lado... É impressionante.

  


No dia seguinte visitem a parte sul da Medina. DICA: para quem tem medo de cobras, cuidado ao passar na praça Jemaâ-el-Fna de dia, encantadores de serpentes não faltam. Na parte sul da Medina visitem Dar El Makhzen, Palácio El Badi, Sinagoga, Sagha (mercado da joalharia) e façam as compras na praça Qzadria. Esta praça é maravilhosa e muito mais calma que a praça Jemaâ-el-Fna. Aqui vale a pena comer nas barracas de rua, pois tem menos gente. Façam as compras nesta loja "Rachid Mohammed", pois o senhor é muito simpático e peçam para provar o chá de menta com um extracto de eucalipto que ele tem. DICA: Trazer chá de menta e beber muito chá de menta

Depois de almoçarem nesta praça vão para a esplanada do Kosybar beber um chá de menta, vão sentir-se noutro mundo e super bem. Uma explanada num dos melhores locais, com uma vista por cima das casas de Marrakech e com uma música chill out muito. Vale e pena irem lá.

Para finalizar o dia, nada melhor que ir para o meio da Medina passear sem destino apenas olhando o que rodeia e regateando algumas coisas que se queira comprar. Para terminar o dia, recomendo jantar no restaurante Dar Belkabir na Medina. Um sítio muito calmo e com uma comida fantástica!

Fiquei fascinado com a comida deles. É maravilhosa e muito bem temperada. DICA: Não vão ao MAC, pois vão perder comida fantástica.

As ruas de Marrakech estão sempre a ser limpas, cheiram sempre a lavado e tem sempre imensa cor devido aos montes de especiarias que as lojas vendem. Podem não acreditar mas é verdade... As pessoas são sempre simpáticas com a esperança de ganharem algum dinheiro. DICA FINAL: Andem sempre com dinheiro espalhado, para terem capacidade de negociar. A vida na cidade é barata.

É um local fantástica. Garanto que vão viver muitas aventuras e vão viver alguns sustos... Mas no final o saldo vai ser muito positivo. Eu gostei imenso da cidade e recomendo a toda a gente. É uma cidade diferente e que deixa saudades na hora do adeus...

 

 

 

In