Auto-Estradas em Leiria


Esta semana o nosso Primeiro-ministro veio a Leiria anunciar, mais uma vez, auto-estradas para Leiria.

Segundo li, vão construir 109 km de estradas e variantes, incluindo a famosa ligação da A1 à A8 e uma variante na Batalha (finalmente vão proteger o mosteiro da poluição).

No entanto, hoje de manhã na rádio, ouvi uns senhores a comentar que estas obras vão ser pagas por privados, ou seja, vão ser concessões. Como todos sabem, os privados quando investem é com o intuito de ganhar dinheiro, ou seja, estas estradas novas vão ter portagem… e quem vai pagar as portagens?

Os dois comentadores leram o concurso público relativo a esta concessão (ganha pelo consórcio Brisa/Somague/Lena Construções), e constaram que todas as variantes e Auto-Estradas vão ter portagem, ou seja, quem quiser ir de Leiria para a Marinha Grande ou de Leiria para a Batalha (usando as novas variantes), vai ter de pagar portagem.

Eu sou da opinião que as auto-estradas devem ser todas pagas, por uma questão de justiça com os contribuintes que não tem carro e os contribuintes que não usam essas auto-estradas. No entanto, não me parece correcto que uns paguem e outros não…

Porque razão os Leirienses tem de pagar as portagens todas e o pessoal no Algarve não paga nada? Se colocarem portagens nestas estradas novas em Leiria, as pessoas vão usa-las?