Monkey: Journey to the West



“Monkey: Journey to the West” é uma ópera escrita e dirigida por Chen Shi-Zheng, com a composição musical de Damon Albarn e com a animação e conceito visual, a cargo de Jamie Hewlett (estes dois últimos responsáveis pelos Gorillaz).

Esta ópera retrata uma das histórias clássicas, mais conhecidas da China. Desconhece-se o seu autor e foi publicada em 1590, fala da longa passagem da arrogância para a recompensa e redenção, através do castigo.

A primeira parte, retrata o nascimento do Macaco Rei - Sun WU Kong, na montanha das Flores e dos Frutos. Este rei conseguiu a imortalidade depois de ter aprendido tudo sobre o Tauismo, incluindo toda a sua magia. Com todo o conhecimento e poder, ele torna-se mau e arrogante, e lidera uma revolta contra o Céu. Por este acto, Buda aprisiona-o por 5 séculos.

Passado esse tempo, o Macaco Rei é libertado com o intuito de escoltar o monge Budista (Tripika), numa viagem até à Índia, em busca das escrituras sagradas. Nesta missão, tem a companhia e dois antigos amigos, que foram expulsos do Céu (o ganancioso Piggy e seu súbdito Sandy). Pelo caminho eles enfrentam o “White Skeleton Demon”, “The Spider Women” e muitos outros perigos e adversários.

As sagradas escrituras vão salvar a China de todo o mal, decadência e degradação. Com esta viagem, o Rei Macaco deve arrepender-se de todo o mal que fez, e atingir a glória e felicidade.

Esta ópera é um conjunto de músicas, efeitos visuais e performances de artista do circo chinês. Vejam o vídeo para terem uma ideia do espectáculo - Vídeo

Oiçam esta ópera na emissão n.º 18 da Estação do Árctico (dia 4 de Fevereiro de 2009).

In