Idade das coisas


No outro dia estava a comentar com uma amiga que ia andar de patins em linha, e ela comentou: “… estranho dizeres isso, não tens idade para essas coisa…” não tenho a certeza se foram essas palavras mas a ideia era essa.

Fiquei a pensar nisso e comecei a questionar… será que existe idade para as coisas?

Na minha opinião penso que não… Não é por ser mais velho que não vou puder aprender a andar de patins. Não é por ser mais velho que tenho de jogar à bola com amigos, não é por ser mais velho que não vou puder fazer kitesurf e terei de jogar golf. Atenção que eu gosto muito de jogar golf, só experimentei uma vez… mas achei muita piada. No entanto, penso que só vou praticar quando for mais velho, agora existem outras coisas que gosto mais e o tempo não dá para tudo...

É lógico que a idade vai modificando o nosso corpo e que deixamos de ter certas capacidades para alguns desportos, mas não é preciso exagerar… penso que se uma pessoa se sente bem a fazer algo, deve continuar a fazer desde que não se prejudique.

Eu estou com esta conversa toda, mas reconheço que às vezes tenho ideias que não são muito normais, e que por vezes devia ter começado as coisas à mais tempo… Mas não fiz… E agora??? são coisas que gostava de fazer... por isso faço…

Já dizia o provérbio: “mais vale tarde que nunca