Hospital Santa Maria


“Assalto ao Santa Maria” é o título de um artigo do Expresso de dia 14 de Janeiro de 2006. Neste artigo temos um exemplo maravilhoso de como as coisas funcionam em Portugal.
Segundo o artigo, a nova direcção do hospital descobriu que existia um grupo de assaltantes que conseguiam desviar 600 mil euros por ano em material do hospital (consumíveis clínicos, como gazes, pensos, soros, etc.) e pior que isso, usavam a morgue do hospital como armazém. Outra descoberta incrível, foi a de uma pessoa que vivia com a família nas caves do hospital e chegou a levar mobília para lá, para puder ficar mais confortável.

Eu agora pergunto-me, que palhaçada é esta… Já imaginaram a quantidade de dinheiro que nos sai do bolso por causa de coisas como estas. Já pensaram que isto pode estar a acontecer em todos os hospitais de Portugal. Eu não consigo conceber que as pessoas pensem que facilitando estas situações de roubos e desvios de material, que não vão ser afectadas no futuro quando o estado não tiver dinheiro e tiver que continuar a aumentar os impostos. E o pior é que as pessoas actualmente roubam e aproveitam-se do estado às claras e descaradamente e ainda se orgulham do que fazem. É impressionante… Também é verdade que Portugal tem pouco dinheiro e o que tem gasta mal, mas também não é preciso ajudar e ficarmos na penúria mais depressa.